Convênio para realização da 24ª Festa da Linguiça de Maracaju

“Mato Grosso do Sul é um dos poucos estados adimplentes e que consegue fazer investimentos em cultura. Mais de 20 estados não conseguem pagar a folha [dos servidores]. Os últimos três anos não foram fáceis e o povo merece lazer e cultura”.

15/03/2018 às 17:18:00
- Fotos: Chico Ribeiro

O governador de Mato Grosso do Sul, Reinaldo Azambuja (PSDB), assinou na manhã desta quarta-feira (14), convênio de transferência de recursos do Estado para a realização da 24ª Festa da Linguiça de Maracaju –cidade a 162 quilômetros de Campo Grande. O evento é promovido pelo Rotary Clube do município e será realizado entre 27 e 29 de abril.

Além do repasse estadual, no valor de R$ 100 mil, a tradicional festa terá o investimento de R$ 80 mil da prefeitura do município e R$ 10 mil da Câmara Municipal da cidade. A prefeitura também vai custear R$ 20 mil em serviços de suporte e limpeza durante os dias do evento.

Azambuja - que foi prefeito de Maracaju por oito anos- destacou, durante a assinatura do convênio, que o reconhecimento da festa transcende Mato Grosso do Sul e chega a outros estados e países, além de a linguiça de Maracaju ser um patrimônio do Estado. Ele ainda citou que Mato Grosso do Sul é “um dos poucos estados que consegue fazer investimentos em cultura”.

O secretário estadual de cultura e cidadania, Athayde Nery, defendeu a circulação na economia da cidade promovida pelo evento. “As pessoas questionam que é gasto, mas, cada R$ 1 investido gera R$ 7 para a cidade. Do pipoqueiro até o dono do hotel, todos são alcançados”.

A festa é promovida pelo Rotary Clube e o presidente da associação, Caetano Munaretto, explicou que toda a arrecadação da festa – que é beneficente – é ‘devolvida’ à população. “Tudo que é arrecado é repassado para população. Ano passado foi para o Lar do Idoso e para o hospital da cidade, em equipamentos”.